O inicio ou retorno as aulas é um pesadelo para a maioria deles, pois junto com a escola vem as febres, doenças, tosses, noites mal dormidas e falta de apetite.

Vou deixar alguns videos do Youtube que vão ajudar um pouco mais nesse momento:

Calma Calma!! Nada na vida tem apenas um lado ruim, junto com a escola vem o aprendizado, a distração com diferentes atividades que a maioria dos pais não tem tempo ou mesmo capacidade de executá-las como pinturas, dança, músicas, parquinho com brinquedos, grama, espaço para correr e areia.

Além da clássica melhora da qualidade da alimentação e do sono das crianças com o retorno as rotinas bem estruturadas das escolas.

Vou dividir a Volta às Aulas em duas partes:

Antes do Início das Aulas

Se seu filho já estudava anteriormente, apenas avise que as férias estão acabando, chame atenção aos aspectos que ele mais gostava na escola e peça ajuda na organização da mala e do material. Fique tranquila que a maioria das crianças reage super bem ao retorno, com apenas um chorinho inicial e depois muita alegria.

No caso de primeiro ano de escola as coisas são mais trabalhosas:

  • Idade:
    • crianças pequenas, menores de 1 ano são rapidamente adaptáveis a escola e raramente dão algum trabalho.
    • Entre 1 e 3 anos é geralmente a pior fase, não porque eles não gostam da escola, mas porque tem muito medo de separação e principalmente muita birra, chorando muito a cada levar e buscar, apesar de brincarem o dia todo sem nem lembrar dos Pais.
    • Maiores de 4 anos vão a escola mas geralmente não criam aquele amor pela escola, vão simplesmente porque tem que ir já que estão com o hábito de ficar em casa bem arraigado.
  • Escola:
    • Sempre busque um bom custo benefício com indicações de amigos e também proximidade, já que levar e trazer demanda tempo e existe a possibilidade de visitas não programadas relacionadas as doenças
    • O espaço, tamanho da sala de aula e das áreas abertas é importante para reduzir a transmissão de doenças
    • O número de cuidadores por criança é importante pois 80 a 90% das doenças tem transmissão pela mão e quando maior a quantidade de crianças por cuidador, maior a probabilidade de manipulação das crianças sem a devida lavagem das mãos e consequente transmissão de doenças.
  • Prevenção de Doenças

Durante as Aulas

  • Medos ou Fobias:
    • sempre desconfiar se ocorrer uma queixa de maus tratos de seu filho se ele não apresentar nenhuma marca ou machucado.
    • sempre observe o comportamento dele com os diferentes cuidadores
      • se não vai com ninguém é medo ou birra que deve ser ignorado
      • se for especifico com alguém, o risco de maus tratos é maior
  • Mordidas ou Agressões
    • essas atitudes devem ser punidas e resolvidas no momento do ocorrido e não em casa depois de algumas horas.
    • dê a liberdade para os cuidadores realmente terem autoridade sobre seu filho e sempre reforce esse aspecto
  • Estimule e participe

Dr. Christian Helfstein – Pediatra

CRM 119.947 – Limeira/SP