Como diriam os Antigos:

“Nós Somos aquilo que Comemos”

Comer bem desde o nascimento requer mais conhecimento e boa vontade do que dinheiro, idade ou inteligência. Nessas paginas a seguir, vou explicar o passo a passo sobre a alimentação.

A alimentação na criança pode ser dividida grosseiramente em três fases:

  1. Fase Láctea: obviamente o bebê só toma leite, seja o leite materno ou fórmulas na mamadeira
  2. Fase Transição: geralmente iniciada aos 6 meses com a introdução de alimentos complementares como frutas, legumes e carnes, e terminando entre 1,5 e 2 anos quando a criança já come exatamente os mesmos alimentos que a família, na mesma consistência e principalmente sozinha. No fim dessa fase, o apetite e interesse pela comida desaparece.
  3. Fase Madura: a criança já apresenta o seu próprio paladar e preferencias. Nessa fase os distúrbios alimentares aparecem seja induzindo a obesidade ou a magreza ou intensa seletividade. Fase de muita oscilação alimentar e aonde os hábitos adquiridos nos primeiros 2 anos são muito importantes.

Leia dicas sobre a alimentação das crianças clicando aqui

Fase Láctea  (0 a 6 meses)

A alimentação nessa é mantida exclusivamente através do leite, seja o materno ou as fórmulas ou o indesejável leite de vaca.

Devido a imaturidade de seu sistema digestivo, o bebê apresenta algumas peculiaridades em relação aos adultos:

  • Incapacidade de ingerir alimentos pastosos até o quarto mês e de pedaços até aproximadamente os oito meses de vida devido a incoordenação motora dá deglutição.
  • Incapacidade de digerir completamente os alimentos durante quase todo o primeiro ano. Todos sabemos que bebês produzem mais gases e apresentam mais restos alimentares nas fezes com os mais diversos alimentos, desde o leite materno, fórmulas, leite de vaca, frutas, legumes e carnes.
  • Risco aumentado de alergias alimentares devido à incapacidade de seu intestino de impedir a absorção de proteínas quase intactas, sem digestão completa.
  • Apesar dos bebês terem muitas eliminações, como flatos e coco, eles apresentam dificuldade na realização dessas tarefas e isso aumenta a chance de apresentarem cólicas ou incômodos.

O leite materno é o melhor leite, mais fácil de digerir, causa menos cólicas, dá maior proteção ao seu filho, deixa seu filho mais inteligente, e principalmente, proporciona um momento especial para Você e seu Bebê. Além disso, está sempre pronto, quentinho e não custa nada.

Mas o mundo não é perfeito e às vezes queremos algo e não conseguimos. Acontece que para algumas Mães e Bebês, o aleitamento materno não funciona. NINGUÉM É CULPADO!! Mas a mamadeira não é mais fácil que amamentar ao seio, pois exige muito mais cuidados pelo risco de doenças (Sapinho, assadura, vômitos ou diarréia, outras infecções, alergias).

Fase de Transição

A fase mais importante da alimentação da criança pois sabe-se que o Hábito Alimentar criado nessa fase tem grande importância para  resto da vida, saiba mais na página sobre a Criação de Hábitos Saudáveis

Após os 6 meses de idade, nenhum leite tem a capacidade de suprir as necessidades nutricionais daqueles bebês hiperativos e curiosos, portanto é obrigatória a introdução de alimentação complementar inicialmente com frutas e legumes na forma de papa ou consistência de purê, sempre amassado e sem bater no liquidificador ou passar na peneira.

Saiba mais sobre a preparação de papas, papinhas ou comidas de bebê clicando aqui.

Fase Madura ou da Alimentação Normal

A partir dos 2 anos de vida é esperado que a criança tenha uma dieta baseada em frutas, legumes, cereais e  carnes com pequena participação do leite no total de calorias.

A quantidade de alimentos é muito variável devido a redução da velocidade de crescimento e da alteração comportamental com as birras e desentendimentos característicos dessa fase.

Muitos autores e pais consideram essa fase um pesadelo alimentar mas algumas regras ajudam a passar nessa fase com menos sofrimento. Aliás, essa é a fase do “eu não gosto” ou do “Eca”.

Seu filho não vai passar FOME, ele simplesmente NÃO ESTÁ COM FOME.

Abraços!!!

Dr. Christian Helfstein – Pediatra

CRM 119.947 – Limeira/SP

youtube-banner-wp

Banner - telemedicina

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s