banner - Novidades-novo

A consulta de 01 mês é um divisor de águas entre os Pais de crianças já adaptadas, sem cólicas, dorme a noite toda ou acorda apenas 1 vez de madrugada e ganhando bem peso … Que Inveja, muitos diriam!! E um grupo muito maior de crianças que ainda trocam o dia pela noite, choram ao trocar de roupa, fralda ou qualquer mudança de rotina, ainda não estão mamando muito bem ou estão sofrendo com as terríveis cólicas ou refluxos.

Meu filho e o da maioria das pessoas foi do segundo tipo e isso exige paciência e moderação, principalmente porque nessa idade começa uma disputa em dois grupos opostos: “Do Melhor Filho do Mundo” e dos “Pais Mais Sofridos do Mundo”, cada qual aumentando ou diminuindo as queixas em relação ao filho para atingirem o objetivo da Família Perfeita ou da Família Trapo, respectivamente.

Aspectos Principais

  • Sono: os bebês nessa fase ainda dormem muito. A grande diferença é que após os 30 dias de vida, a maioria dos bebês começa a ter um predomínio de sono noturno, alguns já dormem a noite toda e ficam períodos curtos acordados durante o dia. Eles não devem mais ser acordados nem de dia e nem de noite para mamar.
  • Nariz Entupido, Tosse e Espirros: todos esses sintomas são comuns nas crianças, sendo mais frequentes até 1 anos de idade, mas são considerados normais em crianças principalmente no período do outono e inverno ou durante grandes variações de temperatura e umidade. Tratamos com soro fisiológico nas mais variadas maneiras, como seringas, conta gotas e sprays – tudo igual, escolha o que melhor você se adaptar. E saiba que a maioria odeia limpar o nariz.
  • Alimentação: as mamadas começam a ficar mais curtas e efetivas. Observar as chupetadas de madrugada ou mamadas curtíssimas apenas para o bebê voltar a dormir. As mamadas devem obrigatoriamente ficar mais distantes uma da outra.
  • Peso e Crescimento: eles crescem e engordam muito no primeiro ano, nunca compre muitas roupas ou fralda de um mesmo tamanho. Veja as curvas de crescimento e ganho de peso aqui.
  • Vitaminas: nessa idade apenas os bebês que foram prematuros e os bebês amamentados exclusivamente ao seio que devem tomar vitaminas. Clique aqui para saber mais.
  • Umbigo: normalmente ocorre o aparecimento de uma Hérnia Umbilical ou uma bolsa na região do umbigo da criança, isso é normal e melhora na maioria dos casos.
  • Icterícia: deve ter desaparecido completamente. Se seu filho ainda estiver amarelado, o ideal é leva-lo para um avaliação médica.
  • Cólicas do Lactente: começam com 15 dias de vida e tem o auge ao 1,5 mês. São fortes em uns 25% dos bebês e necessitam de tratamento com Colikids diariamente (o melhor) e paracetamol ou simeticona quando cólica.
  • Choro: aumenta muito após o aparecimento das Cólicas do Lactente. Alguns bebês chegavam a chorar por mais de 3-4 horas por dia, mas a maioria apenas fica gemendo só um pouco.
  • Inicio dos Sorrisos e do Contato Visual … finalmente alguma retribuição!!!
  • São muito calorentos. Deixem os pequenos com pouco roupa, por favor!!
  • Calma, muita calma nessa hora: a pior parte da fase bebê já está passando …

A Saúde dos Pais

  • Descansar quando o bebê dorme é a regra de ouro. Ninguém aguenta 30-60 dias sem dormir de dia e nem de noite.
  • Comer quando o bebê dorme é outra boa idéia, mas nessa idade eles começam a ficar acordados durante o dia e por isso o ideal é acostumar os pequenos em cadeirinhas ou carrinhos quando acordados.
  • Avise seu Pediatra ou médico de confiança se estiver se sentido triste, sem ânimo, ou vontade de sumir por mais do que alguns dias. A Depressão Pós-Parto é comum e tem tratamento, saiba mais nesse artigo do Dr. Drauzio Varella.
  • Seja especialista em seu filho e deixe a opinião dos outros de lado. Diga “Muito obrigado pela sugestão, depois eu vou testar!!” e siga em frente.
  • Filhos Mais Velhos: o ciúme é bem menor nessa fase, pois o efeito novidade já passou e ele só volta com força quando o menor entrar no terreno do maior com brincadeiras, andanças e principalmente a fala.
  • Nessa consulta os Pais devem ter um aspecto melhor do que na primeira consulta.

Banner novo youtube

Alimentação

  • Somente Leite pode ser dado nessa idade.
  • Fome: normalmente os Pais já identificam bem o choro de fome e os intervalos das mamadas começa a aumentar.

    Leite e Fome
    Períodos de “Falta” em Amarelo
  • Leite Materno: aos 45 dias de vida, as vezes ocorre um descompasso entre a produção de leite e a fome do bebê, fazendo com o mesmo solicite muitoooo o seio, quase de hora em hora. Isso dura de 7-10 dias e o melhor é manter a calma e oferecer o seio apesar do cansaço.
  • Mamadeira: o primeiro mês e meio é o período mais comum de introdução da mamadeira por todos os motivos possíveis, desde suspostos leites fracos, passando por medo do fim da licença maternidade e afins. Não julgo ninguém, sou da opinião que bebês precisam de mães e pais de bem com a vida e se para isso for necessário a mamadeira, qual o crime cometido? Não esquecer de oferecer água fervida ou mineral e esterilizar as mamadeiras a cada uso.
  • Satisfação ou “Eu não quero mais”: vira o rosto, fecha a boca, dorme ou simplesmente perde o interesse na mamada
  • Sempre manter a criança na posição vertical por 10-15 minutos após todas as mamadas, independente de arrotar ou não. Mais importante que arrotar, nem todas as crianças o fazem, é reduzir o risco de regurgitação ou engasgos.
  • Xixi: fazem muito nessa idade
  • Cocô: ainda fazem muito, mas alguns bebês já demoram alguns dias para evacuar, principalmente quem mama no seio materno. Intervalos normais:
    • Leite materno: pode demorar até 7 – 10 dias entre cada evacuação. Sempre mole.
    • Mamadeira: a cada 3 dias e deve ser mole

Vacinação

  • Não são realizadas vacinas com 1 mês de vida.

O que já sei Fazer?

  • Eles aprendem a sorrir perto dos 30 dias de vida e iniciam o contato visual.
  • Passam a procurar contato visual ao escutar uma voz ou som conhecido, inclusive durante as mamadas o que leva muitas mães a não quererem amamentar em público pela exposição.
  • Reflexos: são como pequenos tiques que os bebês apresentam, sendo que o mais angustiante para alguns Pais são  os sustinhos ou reflexo de Moro

Dicas para Adaptação e Criação de Rotinas do Bebê

  • Sono: dormir no claro de dia e no escuro à noite para reduzir o período de troca do dia pela noite, dormir no quarto, seja no berço, carrinho ou moisés.
    • Evitar panos, travesseiros, bichos de pelúcia ou qualquer objeto que possa gerar sufocamento no bebê.
    • Nunca dormir na cama com o Bebê e não é preciso acordar para mamar
    • A maioria acorda muito de madrugada, melhorando a partir de 1 mês
    • Dica: amamentar se madrugada apenas se ele acordar e chorar. Se ficar apenas resmungando, você não precisa amamentar e nem acordar.
  • Iniciar assim que possível rotinas para brincar, dormir, dar banho e alimentar
    • Colo nessa idade é o principal calmante da criança, pegue sem medo de criar mal hábito ou de críticas, mas lembre-se de acostumá-lo a dormir fora do colo e que Ninar não é Chacoalhar
  • Roupas: comece a reduzir as roupas ou dependendo do clima a não utilizar-las. Eles no geral sentem mais calor do que os adultos. Essa fase muitos bebês apresentam brotoejas de calor ou mesmo começam a assar no pescoço ou dobrinhas. Utilize maisena, pasta d’água ou a própria pomada de assadura.
  • Erros nas Trocas de Fralda e Assaduras são comuns nessa idade tanto pela inexperiência dos Pais como pela sensibilidade da pele das crianças. Evitar uso excessivo de lenços umedecidos
  • Hábitos: sempre tente criar hábitos que possam ser mantidos a longo prazo. Bebês e crianças adoram rotinas e  gostam de saber o que está por vir para não assustarem.  Só se preocupam em brincar e serem felizes a cada momento, não sabendo o que é melhor para eles a longo prazo. Começamos a nos preocupar com os hábitos dessa consulta em diante.
  • Colo: ainda é apenas pelo aconchego que os bebês gostam de colo, mas começamos a mostrar outras opções para os pequenos.

Cuidados e Segurança

  • Febre: grande preocupação nos três primeiros meses de vida das crianças por estar relacionado a doenças mais graves. No caso de Febre, sempre levar seu filho para avaliação do Pediatra, preferencialmente no Pronto Socorro pela necessidade de realizarmos exames nessa faixa etária.
    • Sempre checar se não é excesso de roupas dando um banho e colocando roupas mais amenas
    • Desidratação também gera febre, ocorrendo em crianças que não estão mamando ou ganhando peso bem e podem apresentar redução na produção do xixi (menos de 4 fraldas por dia).
  • Engasgos são comuns até os 3 ou 4 meses com leite e após essa idade com objetos pequenos levados a boca. Virar a criança de barriga para baixo e dar tapas nas costas até desengasgar, sempre observando o rosto para avaliar obstrução da boca ou nariz.
  • Sono:Sindrome da Morte Súbita do Lactente ou Bebê
  • Carro: sempre transportar em cadeirinhas bem presas ao cinto viradas para trás, com o cinto bem afivelado.
    • Se seu carro possuir, utilizar Isofix ou Latch como fixadores da cadeirinha, pois além de mais seguros, ainda são mais fáceis de instalar. Hoje, essas cadeirinhas ainda devem ser importadas (eu comprei na Amazon.com ou trazidas dos exterior), pois não são vendidas no Brasil.
  • Cinto de Segurança: a partir de agora, todos os dispositivos com cinto devem obrigatoriamente ter os cintos ajustados e afivelados, mesmo as cadeirinhas de balanço e o bebê conforto. Os acidente são muito frequentes e geralmente graves.
  • Quedas: começam a ser um sério risco a saúde. A partir de 1 mês nunca deixamos um bebê sozinho em qualquer local alto, seja um sofá, cama, berço ou trocador por um segundo sequer.
  • Queimaduras:  muito cuidado com bebidas quentes tanto nas mamadeiras do Bebê como outras bebidas dos adultos como café ou chá, e com a temperatura da água do banho. O melhor teste de temperatura é sempre o contato com nossa própria pele.
  • Prevenção de Doenças – Redução de até 80% das doenças da infância:
    • A Imunidade é ainda pior que a de um recém nascido e continua a piorar até os 3 meses de vida. Amamentação e os cuidados abaixo são os únicos fatores de proteção.
    • Evite contato com cigarros e sua fumaça pelo risco de alergia e doenças pulmonares
    • Peça a todas as pessoas que lavem as mãos antes de mexer com seu filho
    • Lave as suas mãos mais de 5-10 vezes por dia e sempre que suja
    • Evite aglomerações como supermercados, shoppings, restaurantes, igrejas nos primeiros meses
    • Sapinho: doença causada por fungos transmitidos principalmente por mãos contaminadas (adultos e crianças grandes não pegam a doença) ou objetos como chupetas, mamadeiras e mordedores não esterilizados corretamente.

Novidades para a Consulta de 2 Meses

  • Riscos: gira como um relógio e alguns já rolam – cuidado com as quedas.
  • Inicio da salivação por inflamação dos dentes e alguns fazem “ABU”
  • Cólicas pioram até os 45 dias e melhoram após os 2 meses.
  • As regurgitações ou “Refluxos” continuam piorando até os 4 meses
  • Sono: cada dia melhor na maioria das crianças
  • A melhor parte é que as brincadeiras e risadas começam e a adaptação quase acaba.
  • São Apaixonantes depois dos 2 meses.

O período após a consulta de 1 mês é de estabilização e começo da melhora. O trabalho ainda é grande, mas começa a ser mais gratificante com os sorrisos e brincadeiras. Alguns Pais já se dão o luxo de dormir a noite toda.

Dr. Christian Helfstein

CRM/SP 119.947

banner novo - telemedicina

Textos Relacionados

Novidades para Você!Primeira Consulta com Pediatra - PuericulturaConsulta de 2 Meses com Pediatra - PuericulturaCólica do BebêSoluços nas CriançasChupeta  e DedoHérnia UmbilicalHidroceleRefluxo GastroesofágicoCausas de Choro no BebêComo Trocar Fraldas - Dicas aos IniciantesO Sono Normal das Crianças

6 comentários sobre “Consulta de 1 mês

  1. Boa noite, li que é preciso evitar levar o bebê a lugares como shoppings, igrejas etc ate pelo menos os 3 meses, ja tinha lido isso em outros sites e decidi que nao ia levar meu bebe nem um diazinho sequer nesses lugares até tomar as vacinas dos 3 meses…meu bebe esta com um mes agora. Tem pessoas que me acham neurótica por isso, mas eu prefiro que falem do que expor meu filho a alguma doença. No texto quando vc diz que é preciso evitar esses locais, é pra nao ir de forma nenhuma ou pode ir uma vez ou outra? Meu marido e eu somos da igreja e eu realmente tenho medo de levá-lo lá mesmo q só uma vez por semana até os 3 meses, mas ele está chateado comigo por eu nao querer levá-lo agora. O q vc acha?

    Curtir

  2. Bom dia
    Dá uma olhada no pediatriavirtual.com/sono/ para saber mais sobre o sono da criança e bebê

    Mas resumindo alguns bebês dormem 18 hs por dia e isso significa que ficam acordados apenas durante as mamadas.
    Se está crescendo, engordando e se desenvolve normalmente, você não precisa se preocupar
    Abraços

    Curtir

  3. Dr minha bebê tem 42 dias e dorme muito.
    Geralmente dorme a noite toda, acorda lá pelas 6/7 hrs, fica no máximo meia hora acordada, depois dorme de novo… E assim vai o dia todo… só mama e dorme, e durante as trocas de fraldas, banho e mamadas…fica muito pouco acordada. Interage bem pouco por conta disso. É normal?? Me ajuda.

    Curtir

  4. Bom Dia
    Esse comportamento é muito comum e você não está criando um mal hábito mas eu sei o quanto você deve estar cansada e desesperada para ter uma noite de sono de melhor qualidade.
    As crianças melhoram a qualidade do sono após os 3 meses e esse aparente incomodo nada mais é que a tentativa de seu bebê de reproduzir o ambiente uterino fora da barriga.
    Isso melhora progressivamente com o tempo.
    Dê uma lida no pediatriavirtual.com/sono/ e no pediatriavirtual.com/choro-bebe/ para saber mais sobre o sono e o choro dos bebês
    Abraços e tenha paciência

    Curtir

  5. Bom dia Dr. Meu bebê tem 37 dias, ele dorme comigo, literalmente em cima de mim e quando coloco em outro lugar ele chora sem parar. Durante o dia também, só quer ficar no colo. O duro é que o sono dele parece que é sempre leve, é eu colocar ele em outro lugar que não seja o colo ele começa a reclamar até chorar e pensa no choro. Como é meu primeiro filho e ele tem cólica acabei dando mau hábito à ele. Gostaria de um auxílio seu. Obrigado!

    Curtir

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s